Cuiabá vai ter Parada Gay no sábado e espera público de 7 mil

2
Compartilhar

Evento também ocorre em meio à polêmica sobre criação de um conselho estadual LGBTQIA+

DA REDAÇÃO

Com concentração marcada às 16h na Praça Ipiranga, no Centro de Cuiabá, a Parada da Diversidade Sexual LGBTQIA+ sai às ruas na tarde deste sábado (4), apesar dos novos decretos restritivos da Prefeitura com a intenção de evitar aglomeração no período festivo de final de ano.

Por conta da pandemia da covid-19, não houve o tradicional desfile nas ruas em 2020, geralmente realizado no mês de setembro. Contudo, com a baixa de casos de coronavírus e o avanço da vacinação, a organização entendeu, no mês de outubro, que o cenário já estaria mais seguro para as atividades presenciais.

O evento está em sua 18ª edição e tem como tema “Família de LGBTQIA+ Orgulho de (re)existir”. Com ele, os organizadores destacam o histórico de violência e preconceito vivenciado pela comunidade e buscam dar visibilidade a essa população.

De acordo com o professor e ativista Clovis Arantes, um dos organizadores do evento, são esperadas entre 5 e 7 mil pessoas na Parada da Diversidade.

A Parada ainda ocorre em meio a uma polêmica sobre a criação do Conselho Estadual LGBTQIA+, que, apesar de ter sido proposta pelo Governo do Estado, foi rejeitada por maioria dos deputados da Assembleia Legislativa nessa quarta-feira (1º).

“É de extrema importância realizar este ato nas ruas, pois amplia as pautas que são exaustivamente discutidas durante vários meses com intenso debate social, e acompanha a movimentação nacional dos problemas mais emergentes em nossa sociedade”, defendeu Arantes.

Segundo os organizadores, mesmo com a iminência de uma nova variante da covid-19, anunciada apenas nesta semana, o evento está mantido. Apesar de não ser mais obrigatório o uso de máscaras de proteção facial em ambientes abertos, o uso é recomendado aos participantes.

Cabe destacar que, apesar de novos decretos restritivos baixados pela Prefeitura de Cuiabá nesta semana, eventos em locais públicos, como a Parada da Diversidade, não foram proibidos.

Programação

A 18ª Parada da Diversidade Sexual de Mato Grosso terá sua concentração na Praça Ipiranga a partir da 16hs e subirá a Avenida Rubens de Mendonça em direção à Praça das Bandeiras onde haverá falas, em ato político, além de inúmeros shows.

Na Programação artística estão confirmados shows várias Drag Queens que serão comandadas por Aliceh Brasil, Petilaine Queen e Elza Brasil e também a terá a presença da Rainha da Parada, a advogada Thaiz Brasil. A música ficará por conta do DJ Charles Pitter, Karine Bueno, Dj Shilas, Dj Tiago Santian e a atração nacional DJ Allan Natal.

Compartilhar